Nos dias 28 e 29 de outubro as turmas do 4º período de Direito e do Módulo 1B de Administração e Ciências Contábeis realizaram uma atividade de extensão, na metodologia de oficinas, voltada para os alunos do Ensino Médio e Ensino Técnico de Escolas Estaduais de Curvelo, a partir das disciplinas de Sociologia Jurídica e Sociologia e Antropologia, sob a orientação da Prof. Érika Caetano.

As oficinas pedagógicas aplicadas nas atividades de sala de aula promovem a aprendizagem significativa do conteúdo articulando e integrando situações e estratégias, promovendo a troca de experiências e saberes. No sentido de produzir conhecimento, as oficinas constituem-se em uma modalidade de ensino que constrói um produto, mas há ainda uma oportunidade de promover interação entre os sujeitos oficineiros, numa relação dialética. Esta  metodologia foi utilizada nas disciplinas Sociologia, Sociologia Jurídica e Sociologia e Antropologia, lecionadas na Faculdade Arquidiocesana de Curvelo numa perspectiva de adotar metodologias ativas na busca de dinamizar o ensino e aprendizagem.

Atualizar as técnicas e procedimentos de ensino, buscando meios mais eficazes de conseguir a aprendizagem não é uma necessidade apenas da escola básica, mas também do ensino superior. O mercado de trabalho tem exigido um profissional que seja capaz de resolver problemas, situações de conflito e que seja criativo no desempenho de suas atividades profissionais. Assim sendo, pretende-se construir no ambiente acadêmico, oportunidade para o exercício da criatividade e autonomia na aplicação do conhecimento em situações concretas.

Os alunos do curso de Direito realizaram as oficinas na E. E. Bolivar de Freitas, no dia 28 de outubro, com os alunos do segundo ano do Ensino Médio noturno, fundamentados pelo estudo da obra de José Murilo de Carvalho: “Cidadania no Brasil: o longo caminho”. Foram desenvolvidas três oficinas com os temas: direitos sociais, civis e políticos. O principal objetivo destas oficinas foi proporcionar a participação direta dos alunos nas discussões e na reflexão acerca da construção da cidadania e do papel social de cada um neste processo. Observou-se um grande envolvimento dos alunos do ensino médio na execução das atividades.

Para os discentes da FAC o objetivo foi incentivar a sua participação ativa na vida social e política de sua comunidade. No depoimento da aluna Maralisa: “foi muito bom interagir e levar um pouco do que aprendemos para além dos muros da faculdade”.

No dia 29 de outubro as oficinas tiveram como temas: Responsabilidade social e ambiental, A mulher no mercado de trabalho e Capital Social e Terceiro Setor. Os discentes dos cursos de Administração e Ciências Contábeis receberam os alunos do curso Técnico em Administração da E. E. Min. Adauto Lúcio Cardoso para a realização dos trabalhos. Os temas foram tratados de maneira lúdica e descontraída, favorecendo a aprendizagem e a troca de saberes entre os acadêmicos e os alunos do curso técnico.

O principal objetivo do trabalho foi proporcionar a participação direta dos acadêmicos de Administração e Ciências Contábeis da Faculdade Arquidiocesana de Curvelo na construção do seu conhecimento a partir da reflexão teórica e elaboração de atividades práticas onde se desenvolvam novas aptidões e habilidades importantes para o profissional das ciências gerenciais. 

Com a realização das oficinas a Prof. Érika Caetano buscou o desenvolver a criatividade e aplicação do conhecimento técnico pelos alunos. Além disso, neste ambiente tanto acadêmicos, quanto o público atendido têm a oportunidade de realizar trocas e experiências bem-sucedidas ao realizar um ambiente favorável ao diálogo franco e horizontal. O trabalho em equipe para elaboração e execução das oficinas também oferece condições para que os discentes construam coletivamente seu conhecimento, superando conflitos, gerando alternativas em que estes se colocarão como agentes ativos e reflexivos no processo de aprendizagem.

 

Últimas Publicações

Developed in conjunction with Ext-Joom.com

II Semana da Pesquisa e Extensão